Como o Design Thinking pode ajudar sua empresa de turismo a vender mais?

 Em Marketing

Você sabe o que é design thinking? No artigo de hoje você vai entender como esse conceito que surgiu dentro do design pode ajudar em seu e-commerce de turismo!

 

O que é e como funciona?

O Design Thinking nasceu dentro do design, mas pode ser usado em diversas áreas. Por meio desse conceito, a sensibilidade do design é trabalhada visando atender as necessidades de empresas com o que foi possível realizar por meio da tecnologia. Em resumo, o design thinking consiste em aplicar técnicas criativas para resolução de problemas!

 

Quais são seus benefícios?

O design thinking pode ter inúmeros benefícios e normalmente é utilizado no desenvolvimento de produtos, serviços processos e principalmente estratégias.

Por meio do design thinking, pessoas não são necessariamente designers passam a utilizar ferramentas criativas! Além disso, as experiências são otimizadas e as opções se tornam mais eficazes, por meio da junção de ideias do pensamento corporativo com a criatividade.

 

Quais são as etapas do design thinking?

Antes de chegar a resolução do problema, o design thinking passa por algumas etapas:

 

1- Definição do problema:na primeira etapa, você e sua equipe irão definir o problema e fazer suas principais considerações. Após isso, tente sair um pouco da caixa e pensar em ideias inovadoras, fugindo da opção convencional. É importante que você considere a experiência de outras pessoas, fazendo um brainstorm e ouvindo opiniões diferentes.

 

2- Empatia: qual é a expectativa dos seus usuários? Entenda o que seus clientes e leads desejas, se possível faça pesquisas e questione. Leve em consideração todos os pontos apontados!

 

3Visualização: essa é a hora de selecionar as ideias que mais se mostraram mais interessantes e funcionais. A seleção das ideias pode acontecer por meio de votações da equipe!

 

4- Protótipo:essa é a hora de colocar a mão na massa! Agora que as ideias foram selecionadas, é hora de colocá-las em prática. No início, prefira fazer o “mais básico” e ver como os usuários reagem. Essa é uma ótima maneira de testar uma nova funcionalidade, por exemplo.

 

5- Faça testes:assim como qualquer estratégia, é necessário testar seu desempenho para mantê-la ou alterá-la. No caso de uma alteração de funcionalidade, você pode disponibilizar somente para uma partes dos usuários, assim pode analisar os feedbacks.

 

E você, já usou o design thinking em sua agência de turismo?
Deixe sua opinião nos comentários!
Abraços e até a próxima! :)

 

Fontes: http://viverdeblog.com/design-thinking/

Ana Karoline Sousa
Formanda em Publicidade e Propaganda, atua na área de marketing relacionado a turismo. Apaixonada por música, gatos e nerdices, acredita no poder da comunicação e da inovação.
Artigos recomendados

Deixe um comentário