Análise preditiva – Entenda seu significado e saiba como fazer em sua empresa de turismo

 Em Marketing

Você sabe o que é uma análise preditiva? No artigo de hoje você vai entender seu significado e como ela pode ser uma importante aliada na estratégia de marketing de sua empresa de turismo!

O que é?

A melhor maneira de saber onde você está errando e acertando em sua estratégia de marketing é verificar dados passados, certo? Com o avanço da tecnologia, ficou bem mais fácil arquivar e organizar dados sobre o comportamento do consumidor, por exemplo. A análise preditiva diz respeito justamente a essa ação, usar a tecnologia para mensurar dados e assim entender melhor os hábitos de consumo e definir padrões.

Por que utilizar?

Como explicamos no tópico anterior, ao fazer uma boa análise de dados é possível identificar o comportamento padrão de seu público consumidor prevendo suas ações, ou seja, é uma ótima maneira de otimizar sua estratégia e assim conquistar seu público, consequentemente realizando mais conversões.

Como fazer em sua empresa?

Para fazer a análise preditiva em sua empresa, é preciso seguir algumas etapas, sendo elas:

  • Coleta de dados: o primeiro passo de sua estratégia! Lembre-se que você deve buscar mais do que dados básicos, mas também informações que possam responder dúvidas que você tem a respeito do comportamento do consumidor.

  • Estrutura de dados: feita a coleta de dados, você precisa organizá-las para facilitar a análise. Para te ajudar nessa etapa, você pode utilizar ferramentas como o Excel ou Power BI.
  • Análise de dados: hora de analisar os dados que foram coletados e organizados, verificando tendências no comportamento.
  • Estatísticas: por se tratar da análise preditiva, duas técnicas consideradas são as estatísticas descritivas e estatísticas inferenciais. A primeira diz respeito ao objetivo de descrever um conjunto de dados, sendo possível criar a partir dele medidas de tendência central e medidas variabilidade ou dispersão. Já a segunda diz respeito ao estudo de um grupo para tirar conclusões sobre um grupo maior, como por exemplo levantamentos populacionais.
  • Modelagem: depois de todas as etapas anteriores concluídas, é hora de criar o modelo onde os primeiros possíveis insights sobre comportamentos futuros começam a aparecer.

 

 

E você, já faz a análise preditiva em sua empresa?
Por hoje vou ficando por aqui.
Abraços e até a próxima!

Fonte: https://marketingdeconteudo.com/analise-preditiva/

Ana Karoline Sousa
Formanda em Publicidade e Propaganda, atua na área de marketing relacionado a turismo. Apaixonada por música, gatos e nerdices, acredita no poder da comunicação e da inovação.
Artigos recomendados
Showing 2 comments
  • Douglas
    Responder

    Ótimo artigo, parabéns Ana Karoline e obrigado por compartilhar, vale a reflexão!
    Abraço e #vqv

    • Ana Karoline Sousa
      Responder

      Que bom que gostou do artigo, Douglas! :)
      Abraços!

Deixe um comentário